18 junho 2015

A falta de alguém.


É... Tem dias que a gente não sabe se sobreviverá aquele dia. Já acorda um pouco pra baixo, sem ânimo, sem coragem, sem saber disfarçar o que está sentindo. Tem dias que a gente parece não mais sobreviver à caminhada que a vida está lhe proporcionando, e admite: você quer parar por ali mesmo. Sem saber se mais pra frente vai valer a pena, ou se simplesmente continuará do jeito que está. Mais continua sendo forte.

Continua sendo forte porque está até hoje lutando em busca de encontra algo que te satisfaz que te preenche e que simplesmente faça com que esses dias amargurados se tornem em dias de glórias. Muitos pensam que não existem tantas glórias assim nas nossas vidas, mais eles nunca pararam pra pensar que pelo simples fato de acordar, levantar da cama sozinha, conseguir ver algo e pessoas, comunicar-se com elas ou até mesmo acordar respirando já se tornam dias de glórias. Mais ás vezes precisamos de algo, além disso.

Eu preciso de mais. Nada de luxo, de casa enorme, carros dos sonhos  e viagens internacionais. Eu só queria um alguém do meu lado para poder dividir os meus sorrisos, os meus pensamentos, as opiniões, a coberta, o controle da TV da minha casa, ou quem sabe o sobrenome em nossos documentos pessoais. Um alguém que me ligue perguntando se quero encontra-la naquela noite, ou que pergunte como foi o meu dia. Um alguém que pegue no meu queixo e que olhe nos meus olhos sem ter que dizer nada, fazendo com que suas palavras apareçam em meio ao brilho do seu olhar.

Eu sinto falta de um alguém. E pior do que isso é sentir a falta de alguém que nunca foi seu. É sentir a falta de um sorriso que nunca conseguiu arrancar, e palavras que nunca foram ditas da sua boca. É a falta de sentir o cheiro mesmo sem saber como ele é. A falta das brigas, dos momentos difíceis quando superadas mais á diante. É a falta de um corpo quente nas noites frias, e de um banho gelado nas madrugadas calorosas. E pior do que isso é sentir falta de alguém que nunca foi seu. Talvez os pensamentos, as vontades, a saudade de um dia qualquer, você possa até ser o culpado. Mais nunca saberá porque não tem como encontra-la para perguntar se já houve esse fato.

Pior do que isso é sentir falta de ouvir uma voz que sempre se calou. Por medo das pessoas, dos momentos, do que o futuro tem a nos oferecer. Por ter uma insegurança de que vai valer a pena, ou se apenas vai se tornar uma desgraça na sua vida. Talvez possamos nos acostumar a viver sozinho por um bom período. Mais temos que ter a consciência de que, se você não algo agora, é porque Deus está preparando um alguém especial na sua vida mais tarde. E eu sei que ele está preparando algo melhor pra mim. Então meus amigos, nada de se preocupar com o pouco que tem agora. Quer algo maior, ou alguém melhor do seu lado? Lute, não desista e mantenha a fé em Deus! E lembrem-se: A FALTA QUE UM ALGUÉM ME FAZ, É UM ALÍVIO QUE ME DEIXA. 

  • Compartilhe o texto nas redes sociais ♥

Um comentário:

  1. Amei o post <3
    Se der, da uma passadinha no meu blog :D
    http://www.isabellamorais.com/

    ResponderExcluir

Obrigado pela sua visita e também por compartilhar os posts do blog. Obrigado por deixar suas opiniões e claro, volte sempre.