14 janeiro 2013

Texto: Hoje, eu queria você.


Hoje, eu queria ter um colo para correr. Um ombro para chorar minhas mágoas. Um apoio para aguentar minhas decepções. Um trampolim para me impulsionar para cima. E um abraço que me faria acreditar que tudo isso vale a pena. Hoje, eu queria poder chorar sem ter que dar mil explicações. Queria poder me esconder sem alguém me cobrar motivos. Poder desistir de tudo sem ninguém para jogar na cara a minha fraqueza. 

Hoje, eu queria voltar no tempo sem ninguém me chamar de saudosista. Queria imaginar meu futuro sem ninguém me criticar por ser sonhadora. Ter algum sinal de que estou no caminho certo. Não ter que me culpar por erros que não são meus. E parar de me crucificar tanto por erros são. Hoje, eu queria levar tudo mais numa boa, queria ser mais leve, queria aprender a não me cobrar tanto. E parar de deixar que cobrem tanto de mim. 

Hoje, eu queria um sopro de força. Um tiquinho de esperança. Uma pitada de carinho. Um empurrão bem devagarinho. Eu queria pular alguns obstáculos, descobrir que passei de fase, avançar três casas no jogo da vida. 

Hoje, eu só queria você aqui. Sorrindo, me perguntando se eu tô bem. Eu queria que você  tivesse estado sempre aqui, e não tão pouco tempo. Hoje, eu queria poder te desejar feliz aniversário, e não só sonhar com um abraço. Eu queria poder lembrar do seu sorriso, não só por fotos que ninguém mais vê. Eu queria poder viajar com você, ter vivido o que todo mundo sempre disse que a gente teria vivido. Hoje, eu queria que nada tivesse acontecido, que você nunca tivesse passado dor, que pudesse ter ficado no meu lugar. 

Hoje, eu só queria você. 
(E vou fingir que só te queria hoje, como se hoje não significasse a vida inteira). 

Autora: Karine Rosa .


Um comentário:

  1. Texto lindo. Também queria isso :/

    Beijos,
    Caroline, do Criticando por Aí.

    ResponderExcluir

Obrigado pela sua visita e também por compartilhar os posts do blog. Obrigado por deixar suas opiniões e claro, volte sempre.